Pages

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Time to go

Hora de fechar as malas, os olhos. Respirar fundo e dar o próximo passo em frente. Esperei muito por isso. Contei as semanas, os dias, as horas e os minutos e finalmente chegou. Não posso desistir agora depois de tudo. Lutei tanto, chorei tanto. A porta se fecha atrás de mim. Não dá, não devo, não posso olhar para trás agora. Não importa muito o que fica, não deveria importar na verdade. Eu vou voltar, eu sei que vou voltar em menos de um mês, mas é se tudo mudar? E se tudo acontecer como um sonho, mas eu acordar no meio de um pesadelo? Não é hora de pensar nisso! Fecho as portas do carro e dou a partida. Pronto! Um novo caminho começa aqui. Não, agora não é hora para lágrimas. Eles vão sentir minha falta, claro que vão. Mas e se não sentirem? E se descobrirem que eu sou alguém altamente susbstituível? E se nem se derem por minha falta? Limpo os olhos com o dorso da mão e sigo meu caminho. O aeroporto é logo ali. Os pensamentos estão logo aqui e devem ficar. Eles não podem subir comigo naquele avião. Eu não quero mudar meu destino, não agora. Você fica aqui, bem fincado do chão e me espera voltar. Nem tente me atormentar enquanto eu estiver longe. Subo na aeronave com um misto de alegria e vazio. Não, eu tenho que desligar-me desses pensamentos. Tudo vai ficar bem. Minha ausência será apenas para fortalecer laços, não para quebrá-los. É, é isso, pronto! Agora é a minha hora de voar...

3 comentários:

Tania Girl disse...

É importante seguir em frente e não olhar pra trás...

LIndo post, querida!!
Amei!!

*-*

bjos'

Camilla disse...

É como eu sempre digo, as vezes a gente tem que saber virar a página.

Um beijo!

Del disse...

Nossa!!! Chorando aqui, tudo haver com o meu momento!!!
Nem sei o que comentar...